Aguarde, carregando...

O que é lauda de tradução?
Tradução de documentos TEMPO DE LEITURA: 8 MIN

O que é lauda de tradução?

Saiba o que é uma lauda de tradução e como são os cálculos que geram os orçamentos de tradução de documentos.

De maneira simplificada, uma lauda de tradução é um conjunto de caracteres digitados, ou seja, uma medida.

O significado este termo teve origem nas colunas de publicação dos jornais impressos e é muito abrangente, pois pode se referir tanto a padrões de paginação quanto à uma medida convencionada. É exatamente nesta última definição que este artigo estará focado: em uma quantidade de caracteres digitadas e convencionada pelo Sindicato dos Tradutores.

 

A Importância da Lauda no Universo da Tradução

Uma das maiores dúvidas de clientes de primeira viagem e também de tradutores iniciantes é: como saber se o valor ofertado da tradução é justo e como calcular a prestação de um serviço? Bem, é normal haver essa confusão, até porque inúmeros fatores influem neste cálculo. No entanto, a fim de encontrar uma maneira de padronizar e materializar esse conteúdo por vezes intangível, foram criados alguns parâmetros, dentre eles a métrica denominada “lauda”.

Diferença entre Página x Lauda

Muita gente ainda acha que página e lauda são a mesma coisa, mas isso não é verdade. Uma página pode ser livremente formatada, enquanto a lauda tem uma formatação específica, que é estabelecida pelo profissional que realizará o referido serviço. Aqui, nos concentraremos no uso da lauda especificamente no mercado de tradução.

Vamos a um exemplo prático para esclarecer a diferença entre página e lauda: um artigo formatado em fonte Arial 12 com espaçamento simples equivale a 3 páginas, mas se usarmos a mesma fonte com espaçamento duplo, o texto passa a ocupar 5 páginas. Ou seja, seria injusto cobrar o valor de uma tradução por página, tanto para o cliente quanto para o profissional, considerando todas as variações que podem ser feitas no layout dela de modo a beneficiar um ou outro. Portanto, orçar um texto com base em laudas que seguem um padrão de contagem de caracteres é uma opção muito mais justa.

Qual é a medida de uma lauda?

Dependendo da natureza e da complexidade do texto, a medida de uma lauda varia.

Na tradução/versão literária, o Sindicato Nacional dos Tradutores (Sintra) define que uma lauda possui 30 linhas com até 70 caracteres cada uma, o equivalente a 2.100 caracteres, incluindo os espaços. Já no caso de uma tradução juramentada, uma lauda costuma incluir 25 linhas com 50 caracteres (toques) cada - aproximadamente 1.250 caracteres também incluindo os espaçamentos. Para a Junta Comercial do Estado de São Paulo, por sua vez, uma lauda equivale a 1.000 caracteres sem contar os espaços entre as palavras. Existe uma variação de medida entre as Juntas Comerciais de cada estado brasileiro.

No entanto, o cliente deve ter em mente que esses parâmetros funcionam apenas como uma base, afinal, não existe uma regulamentação fixa e única para valorar os serviços de tradução. No final das contas, cada prestador de serviço fará sua própria avaliação, então é fundamental discutir todos esses fatores previamente para não haver surpresas.

Solicite um orçamento

Como fazer o cálculo da quantidade de laudas de um texto?

A maioria dos profissionais pede que o cliente envie o texto original para calcular o orçamento do trabalho e se familiarizar com seu conteúdo. Mas é recomendável que o cliente já tenha, de antemão, uma noção da quantidade de laudas a serem traduzidas/versadas para que ambos estejam bem alinhados desde o início.

É fácil contar as palavras e caracteres quando os documentos são editáveis, ou seja, você seleciona o texto, copia e cola no Word, depois vai em “Revisão” e “Contar Palavras”. De posse desse número total de caracteres com espaçamento, é só o dividir pelo tamanho da lauda informada pelo tradutor que realizará o serviço. Existem também vários serviços online que realizam essa contagem, como o Word Counter e o Google Docs.

Um exemplo: um texto literário com 21.000 caracteres (incluindo os espaços) dividido por 2.100 (tamanho da lauda literária) corresponde a 10 laudas.

Uma curiosidade: Em tempos não tão longínquos assim, quando não existia Word, a contagem dos caracteres era feita com base nos toques da máquina de escrever x a quantidade de linhas da página, ou seja, 40 toques x 25 linhas era igual a 1.000 caracteres.

E quando os documentos não são editáveis? Bom, daí é um pouco mais complicado já que precisaremos de um conversor, quase sempre para arquivos PDF.

Saiba como traduzir um PDF

 

Calculadora para laudas de tradução juramentada

A AIUTA é uma plataforma de tradução com ferramentas desenvolvidas para facilitar o trabalho dos tradutores.

Uma das ferramentas disponibilizada na AIUTA é a “Cotação Inteligente”. Enviando as cópias dos documentos para a plataforma, o tradutor consegue rapidamente simular um orçamento e verificar o número de palavras, caracteres, caracteres sem espaço, laudas e o preço das traduções sugerido pela Junta Comercial.

O mais interessante dessa ferramenta é que ela lê imagens e PDF não editáveis.

A plataforma ainda conta com outras ferramentas, como CRM de clientes, envio de propostas e dashboard. Existe também a venda de serviços de diagramação de documentos e pré-traduções com Inteligência Artificial.

O cadastro e uso das ferramentas é gratuito: https://traduza.aiuta.ai

 

Quanto custa a tradução de uma lauda?

Embora o Sindicato dos Tradutores sugira uma tabela com valores de referência, cada tradutor estabelece seus respectivos preços de acordo com os seguintes fatores:

- Idioma – Serviços prestados em inglês, espanhol e francês costumam custar menos do que aqueles que utilizam idiomas considerados “raros” como russo, mandarim ou árabe, por exemplo.

- Formação do profissional – Quanto maior for a experiência e a qualificação do tradutor, mais cara será a lauda.

- Nível de complexidade do assunto – A tradução de artigos científicos ou poemas, por exemplo, requer mais tempo de pesquisa que uma tradução simples, além de certas habilidades que um tradutor padrão geralmente não possui. Dessa forma, o profissional pode aumentar seus valores quando o conteúdo do trabalho for muito complexo ou específico.  

- Nível de complexidade do texto – Um artigo de blog com texto corrido é, obviamente, muito mais fácil de traduzir do que um texto acadêmico que possui inúmeras notas de rodapé, índice remissivo, tabelas, gráficos e imagens. Logo, isso também encarece a lauda.

- Tamanho do documento – Projetos muito extensos podem ter um preço diferenciado, afinal, o profissional muito provavelmente terá que dispensar outros trabalhos para se dedicar exclusivamente ao referido serviço.

- Prazo de realização – Se o cliente tiver muita urgência, normalmente os profissionais aumentam seus valores, já que terão que dar total prioridade ao trabalho e, muitas vezes, precisarão trabalhar mais horas por dia do que de costume.

- Quantidade de revisões – Caso o profissional inclua em seus serviços uma certa quantidade de revisões dos textos traduzidos, ele também cobrar mais por isso. Dependendo do tipo de documento, sobretudo textos técnicos e que requerem alta precisão, é interessante pagar a mais por este serviço. Afinal, tradutores, por mais experientes que sejam, são humanos e podem ter que fazer pequenos ajustes que passaram despercebidos.

E não custa nada reiterar que todos esses detalhes devem ser bem discutidos e acordados antes do início da realização de qualquer projeto.

Outras maneiras de cobrar por uma tradução

Além do uso de laudas, agências de tradução e tradutores freelancer também costumam precificar seus trabalhos utilizando os seguintes parâmetros:

- Por caractere de origem – O orçamento neste caso é feito com base no número de caracteres que o referido documento possui. Este critério costuma ser muito utilizado em traduções digitais, e o cálculo pode ser feito incluindo o espaçamento ou não, fica a critério do profissional.

- Por palavra de origem – Neste caso, o tradutor define um valor cobrado por palavra contida no documento original e o multiplica pelo número total de palavras. Este é um dos parâmetros mais utilizados atualmente. Existem também profissionais que cobram valores fechados para um determinado número de palavras e se baseia nesse valor para calcular seus orçamentos. 

- Por palavra de destino – Normalmente, os cálculos são feitos por palavra de origem, ou seja, baseando-se no idioma original do texto. No entanto, existem casos em que o profissional cobra pelo número de palavras do texto depois que ele já foi traduzido, ou seja, quando já está no idioma final.

- Por hora – Dependendo do tipo de projeto, alguns tradutores optam por fechar um determinado valor por hora trabalhada, especialmente se for um trabalho contínuo com muitas etapas.

 

CONCLUSÃO

Como vimos, o mundo das traduções é muito flexível no que diz respeito a métodos e parâmetros de precificação. Apesar de haver certas recomendações e referências sugeridas por órgãos e sindicatos, no Brasil não há uma padronização fixa em torno desses valores.

Assim sendo, em última análise, todos os detalhes referentes a preços deverão ser tratados diretamente entre o cliente e a empresa de tradução ou tradutor, com base nas inúmeras situações e singularidades apresentadas acima.

A lauda é considerada uma das métricas mais justas não só para tradutores, mas também para os clientes, pois nenhuma das partes sai prejudicada.

Porém, lembre-se de que o mais importante é sempre ir em busca de qualidade, ou seja, de profissionais e empresas conceituadas no mercado, como é o caso da eTraduções. Muitas vezes, o barato pode sair caro, então principalmente no caso do mercado de traduções, o “menor preço” pode acabar sendo um péssimo negócio. Aliás, se o preço for muito inferior à média, ligue o alerta, pois tradutores confiáveis cobram valores alinhados e condizentes com a sua dedicação, especialização e experiência. 

Mapa cinza eTraduções

Traduza seus documentos
com a eTraduções

Faça um orçamento instantâneo OU Orçamento pelo WhatsApp